empresária escolhendo local da sua empresa

Como achar o lugar ideal para abrir o seu negócio

Você está decidido a abrir um negócio próprio. E agora, onde será o melhor lugar para instalar sua empresa? 

Quais os principais aspectos que terá que considerar para fazer da escolha do local, um fator positivo e importante para o sucesso do seu empreendimento? 

Nesse momento, questões como o tipo da empresa, público-alvo, orçamento disponível e qual estilo de imóveis, contarão bastante para que seu sonho se realize de forma assertiva e numa localização estratégica. 

E, como empreendedores, vamos passar as principais dicas que você precisa saber para escolher o local ideal para o seu negócio. 

Quer saber como escolher o melhor local para sua empresa? Continue lendo.

Na sua própria casa ou em uma área comercial?

Antes de continuarmos, precisamos entender se sua empresa se encaixa em sua casa ou se precisa de um outro local. Afinal, se ela pode ser em sua casa, não há motivos de pesquisar outros locais.

Abrir uma sala na área de sua casa normalmente tem vantagens, quando se tem pouquíssimas pessoas envolvidas e em áreas específicas como design, serviços de freelancer, consultoria. 

Ou seja, tipos de negócios que não necessitam de amplo espaço, nem estejam relacionados com fabricação de bens de produção. 

Portanto, se sua organização tiver grande quantidade de colaboradores e demandar produção em larga escala, o ideal é que você busque um imóvel externo e com mais espaço.

Agora já decidiu onde será sua empresa? Se for em outro local fora da sua casa, vamos aqui as melhores dicas para escolher a localização ideal.

8 dicas fundamentais para escolher o melhor local para sua empresa

1. Quanto mais fácil para o cliente, melhor

As pessoas que irão adquirir seu produto ou serviço terão que fazer isso diretamente na sua empresa?

Se a resposta for sim, busque um endereço de acesso prático e simples, isso fará uma enorme diferença no volume de vendas. Tornar a experiência de deslocamento do seu público facilitada conta muito para o sucesso.

2. Fique de olho na concorrência

É bom ficar atento a locais que têm o mesmo tipo de empreendimento que o seu. Observar se nesse local cabe montar sua empresa para que as pessoas que transitam sempre por ali, vejam sua marca é ótimo.

Mas, se o fluxo de pessoas for intenso e não houver concorrência, melhor ainda.

3. Faça várias incursões

É importante você se colocar na posição do seu público-alvo. Por isso, vale a pena visitar o imóvel de manhã, de tarde e de noite; durante a semana e aos fins de semana. Isso será muito importante para você entender como é de fato a movimentação em todos os horários e dias da semana.

Vá a pé, de ônibus e de carro. Procure fazer várias opções de caminho e em vários horários. Assim você verá se durante o dia e a noite o local é bom, ou tem algum período que é pouco, ou mal frequentado.

4. Exercite a paciência na busca do lugar ideal

Você mais do que ninguém sabe o quanto é difícil encontrar o local ideal, com o melhor preço possível e na hora exata em que se quer comprar. Para você ter uma ideia, existem casos de empresários que levaram anos negociando.

Além disso, há situações em que o ponto comercial é feito por mais de uma casa ou vários andares de um prédio. Neste cenário o essencial é ter calma. Afinal, não dá para investir em qualquer lugar e depois ficar no prejuízo.

5. Posicionamento é importante

A aquisição do que você vende é realizada quando o cliente está indo para o trabalho ou na volta para casa? Isso pode fazer toda a diferença na escolha ideal do lado da rua para que você possa adquirir seu imóvel.

Bancos, lotéricas e os Correios, por exemplo, ganham uma grande vantagem competitiva se costumam ficar no sentido centro. A direção no sentido da volta pra casa, os bairros, normalmente são mais vantajosas para negócios como farmácias e padarias.

Outro detalhe bastante importante na hora de escolher o lado da rua é a posição do sol. Se refletir na vitrine no período da tarde pode impedir que as pessoas vejam os produtos.

6. Atenção com a visibilidade

Alguns detalhes podem dificultar a visualização da fachada do seu negócio, como rede elétrica da rua, árvores ou bancas de jornal em frente ao imóvel que você deseja abrir sua empresa.

Por exemplo, existe feira livre na rua? Se sim, isso pode resultar em um dia a menos de faturamento para sua empresa.

Afinal, nem todos os tipos de negócio, comércio e serviço precisam estar na esquina das duas avenidas mais movimentadas da cidade. Entretanto, é muito importante que esteja visível para o seu cliente.

7. Fique atento a legislação

Quando você está à procura de um local para instalar sua empresa, é necessário conhecer as leis de zoneamento do seu município, e se certificar se você poderá conduzir legalmente seus negócios na área escolhida. É importante também se informar se você poderá fazer reformas ou alterações no prédio.

Como saber se vai se deparar com restrições por causa das leis de zoneamento em sua área ou localidade? A melhor coisa a se fazer nessa hora para descobrir é entrar em contato com a prefeitura municipal.

Uma empresa só está legalmente autorizada a operar quando obtém o alvará de funcionamento, documento emitido pelos órgãos governamentais do município. Por isso, é extremamente importante verificar todas as exigências antes de locar ou comprar um imóvel.

Vale lembrar que empresas que operam com atividades ligadas ao setor de alimentação, saúde e estética também devem ficar atentas ao Sistema Nacional de Vigilância Sanitária – SNVS.

Como você pode perceber, escolher um local para sediar sua empresa envolve uma série de considerações. Por conta disso, não tome nenhuma decisão sem planejamento e pesquisa.

8. Pesquisa bastante os custos

Alugar ou comprar? Eis a questão. Ser condômino em um shopping center, por exemplo é uma opção que precisa ser bem analisada.

Normalmente é um custo alto que você terá todo mês, mas em compensação, a grande circulação de pessoas por dia poderá fazer uma diferença positiva nos seus lucros. Por isso, é bom pensar bem se é mais benefício alugar um ponto ou comprar o próprio.

Alguns cuidados extras para se tomar

  • Evite lojas em frente a pontos de ônibus, pois a visibilidade será comprometida;
  • Mantenha-se distante de locais que causem insegurança, como ruas mal iluminadas;
  • Não escolha locais em últimos andares ou em corredores sem saída, pois tem pouco movimento;
  • Alguns municípios possuem legislação específica para tipos de negócios procure saber se é o seu caso.

Essas foram dicas valiosas para auxiliar você acerca de um bom lugar para abrir seu negócio. Caso tenha dúvidas ainda, é só entrar em contato, nós da Apoio Consultoria teremos toda satisfação em lhe ajudar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *